Como se vestir para uma entrevista de emprego

Olá Meninas Bonitas, tudo bem?

Sejamos sinceras, mais do que nunca esse país está uma bagunça. Sempre esteve, eu sei! Mas toda essa sujeira saindo de debaixo do tapete, está se refletindo de uma maneira muito contrastante dentro da gente. É bom, porque finalmente alguns ladrões ocultos estão sendo revelados. E ruim, porque todo esse jogo de empurra-empurra de culpa, está se refletindo na economia do Brasil e fazendo aqueles que menos deveriam, sofrerem com isso.

E com tantos desempregos gerados por essa crise que nos assola, achei válido falar de um assunto que, em pleno século XXI, ainda é passível a erros.

Você sabe se vestir para uma entrevista de emprego? Não? Então minha amiga, saiba que na situação atual, um visual desprendido da sua escolha profissional, pode, mais do que nunca, lhe garantir vaga na imensa lista de desempregados desse país.

Quer saber mais? Então, continuem ligadinhas aí no post 😉

*****123

Pra começar, vamos tocar num assunto que acaba se tornando “complicado”, até mesmo polêmico, por envolver o gosto de cada pessoa, mas que é preciso ser discutido.

Muitas pessoas questionam: Será correto eu ter que mudar o meu jeito de vestir para entrar em um lugar? Será correto eu ter que me desprender de um visual que me identifica dentro de um grupo para ingressar em outro?

Vamos analisar… 

Participei de um workshop uma vez, onde a professora falou uma coisa muito interessante e que eu não havia captado até então. Ela disse que nós tendemos a ter mais de um estilo, pois necessitamos nos adaptar aos lugares. Por exemplo: O estilo que você usa para ir a igreja aos domingos, talvez não seja o mesmo que você usa para ir a faculdade durante a semana. Isso não quer dizer que você seja duas caras, bipolar ou indeciso, só quer dizer que você tem bom senso o suficiente para entender que cada caso é um caso.

E que, embora tenhamos tendência em ter mais de um estilo, sempre prevalecerá o mais forte (Farei um post sobre isso em breve). Se os seus estilos forem clássico, social e ladylike, sendo que o seu estilo mais forte é o ladylike, então esse sempre aparecerá de forma discreta (ou não) nos outros estilos.

Esse é um assunto bem longo que engloba, mesmo que não pareça, muitas questões sociais que começaram no início da humanidade … Sim minhas amigas, moda também é história! E é possível contar a história da humanidade através dela (Post sobre esse assunto…. em breve!)

Por hora, vamos nos limitar a entender que cada grupo social tem o seu jeito de vestir. E que para você ser identificado naquele grupo, você precisa se parecer com aquele grupo. E o vestuário é uma forma totalmente visível, de você conseguir isso. Vamos deixar claro, que essas separações não é culpa da moda, pois antes da moda ser moda, isso já existia!

Acho que é válido falar aqui, que sim, seu estilo tem que ser respeitado, principalmente se ele for um reflexo de sua personalidade e ideologias. Mas, também temos que entender que cores, texturas, modelagens e mais um monte de fatores, podem interferir na imagem que você passa. Então, temos que dar um jeito de pegar a sua essência e transmitir de forma esperta para os setores da sua vida.

Não irei mentir… Eu escrevo e pesquiso sobre moda, há muito tempo. Então é com uma certeza que dói o meu coração, que, infelizmente, venho lhes dizer que tem muita coisa preconceituosa envolvendo toda essa história de “a imagem que você passa”. Porém, também existem muitas coisas que não são (Também farei um post mais completo sobre isso, em breve!). E é nessa segunda opção que iremos focar… combinado? Toca aí o/

Então, vamos lá…

Conheça o ambiente e o cargo que você quer exercer… Onde você pretende trabalhar? É um escritório? Um consultório? Uma loja? Uma gráfica? Revista? Escola? É permitido um traje mais despojado como uma calça jeans e o não uso do salto?

Esse negócio de escolher o vestuário certo, é tão importante que se você aparecer de traje social num ambiente onde não pede isso, você que provavelmente quis passar uma imagem profissional, pode ser dispensado por ser sério demais, até mesmo pode ser confundido com uma pessoa careta ou brega.

Lembra o que eu disse sobre os grupos, nos parágrafos mais acima? O lugar onde você visa trabalhar, é um grupo e ele tem suas características.

Então, conheça as características do ambiente e PRINCIPALMENTE, não se fantasie (#peloamordedeus) … Se você quer ir trabalhar numa escola infantil, não precisa se vestir de maneira infantilizada. Lembre que antes do contato com as crianças, você terá que convencer o diretor que está apta para lidar com os pequenos, e convenhamos, a imagem de uma criança cuidando de outras crianças, não parece legal.

Cores… As sóbrias são sempre uma boa opção. Branco, bege, cinza, azul marinho, preto. As chances de você acertar com essas cores são sempre grandes e elas servem para todos os tipos de entrevistas.

60f85adbad5c3e1ffc4b2aa4bf00ad48

 

Saltos… Baixos e médios já são o suficiente para compor um visu bacana. Deixa aquele saltão poderoso, cheio de brilho e demais coisas, para as festas. No dia da entrevista, as cores sóbrias, também são legais para eles.

Please, não façam isso!… Em todos os sites que você entrar. Em todas as consultas com profissionais de estilo. Em todos os episódios de Esquadrão da moda. Você ouvirá sempre a mesma história. E pode ser que você já esteja cansado de ouvir o que irei dizer mais abaixo, e até revire os olhos me colocando em uma lista qualquer de pessoas que só falam “blá-blá-blá”. Porém diante de algumas situações que venho me deparando, me sinto obrigada em bater nessa tecla. Decotes profundos, shortinho, vestido curtão, maquiagem forte, penteados extravagantes, transparência, tênis de corrida, roupa de academia, estampas chamativas demais e qualquer tipo de exagero, deve ser riscado da sua lista (a não ser que o cargo que você queira exercer, exija alguns desses itens, o que é bem difícil – quase impossível)

Maquiagem… Bem leve! Base e pó (se for preciso). Se você necessitar de corretivo, use um que seja do tom da sua pele (nada de fazer aquela técnica de iluminação que usamos para festas, fotos e afins). Nos olhos, uma sombra marrom e um delineado fino é uma opção, mas em alguns casos, somente um rímel já é o suficiente (pense nisso). Um blush clarinho só pra dar um arzinho de saúde e um batom nude (escolha um tom que seja ideal para a sua pele, se não você corre o risco de parecer que passou cimento na boca ou de que está doente)

obs: Em alguns casos, pode ser que a ocasião exija uma maquiagem mais elaborada, por isso reforço o que já foi falado… conheça o ambiente e o cargo que você quer exercer.

Blazer… Tá aí, uma peça chave que você poderá usar sem medo para as mais diversas ocasiões. Para um look informal, uma opção é investir em uma calça jeans, uma blusinha de tecido de aparência mais nobre (eu disse nobre, não disse caro, tem diferença aí), um colar (se necessário), um salto baixo ou médio, e um blazer. E para um look mais formal, mas com uma pitada de estilo, aposte num vestido social com um cinto marcando a cintura e o blazer. (Um colar como acessório, também é uma opção)

ff6e7594a818903d95e2687d5250685d

Saias também ficam maravilhosas com blazer.

Penteado… A mesma coisa que a maquiagem. Rabo de cavalo, coques ou ele simplesmente solto, são as melhores opções. Vá com ele nos trinques, mas cuidado para não parecer que estar indo para uma cerimonia do Oscar.

Resumindo…

Para compor looks mais formais… Invistam em blazers, vestidos e saias até a altura do joelho, acessórios/unhas/maquiagem tudo SUPER discreto, calças de modelagem social, cores sóbrias, camisetes ou blusas de tecidos de aparência mais nobre, meia calça do tom de sua pele, scarpin de salto médio, coque ou rabo de cavalo.

Para looks mais informais… Calça jeans de modelagem mais “arrumadinha” (Nada de ir com aquelas calças destroyed), sapatilhas ou salto baixo, blusas de tecidos de aparência mais nobre ou aquelas modelagens de blusa que lembra os da camisete, porém tem mais caimento (como o da imagem abaixo). Blazer, acessórios/unhas/maquiagem tudo SUPER discreto, cabelo solto ou rabo de cavalo.

d898a47ca90b0f5608b801d63041d94c

E como eu adéquo tudo isso ao meu estilo? Ou melhor, como eu adéquo o meu estilo a tudo isso?

Bom, se você é uma pessoa que presa pelo conforto, sapatilhas ou saltos mais grossos irão ser seus maiores parceiros. Uma outra dica é sentir o tecido das suas roupas… Isso mesmo, eu disse sentir! Toque o tecido, passe no rosto, esfregue nos braços. Sim, eu sei que parece coisa de gente esquisita, mas convenhamos, quem não é esquisito? E se você é uma pessoa com poucos, ou nenhum, conhecimento em tecidos, essa é uma das únicas formas de você saber, se aquele é ou não é um tecido confortável. Enfim, depois de tudo isso, escolha aquela peça que mais te agradar, óbvio 😉

Se você curte um estilo mais “menininha”, procure investir na make. Por exemplo: um batom ou um blush mais rosinha (Hey, eu disse rosinha e não rosão… Se empolga não, hãm!). Um delineado fininho também é uma opção. Na roupa… rendas, ou estampas de bolinhas também podem ser usadas, mas cuidado! Procure colocar um blazer, ou aqueles casaquinhos que lembram o blazer, para você parecer mais profissional e “séria”. Correntinhas, deixam um ar mais delicado, mas não são necessariamente obrigatórias. Sapatos com tons mais puxadas para o nude, também é um jeito de transmitir essa essência mais menininha, sem parecer infantil.

Para aquelas que curtem um estilo mais rocker, as cores podem ser suas grandes amigas. Invista em cores escuras e num penteado ligeiramente mais “bagunçadinho”, como um rabo de cavalo com os fios “desfiadinhos” ou levemente amassados. Um coque com a parte de cima da cabeça mais cheio. Contorno leve e um delineado são o suficiente para deixar a maquiagem mais marcante.

Ok, mas e se o meu estilo for mais sexy?

Então, muitos cuidados tem que ser tomados nesse caso. Veja bem, meu objetivo aqui jamais será reprimir estilo algum, mas de todos os casos, o sexy, é um dos (se não for o mais) estilos menos aceitos por essa sociedade aparentemente pudica.

É difícil encontrar alguém que realmente entenda que, embora sejam divididas por uma linha tênue, há uma diferença entre o sexy e o vulgar. E também há o caso em que as pessoas entendem, mas mesmo assim não aceitam (assunto para outro post… em breve!).

Enfim, enquadrar esse estilo numa empresa é muito difícil. Claro, há outros estilos difíceis também, mas esse, às vezes parece chegar ao ponto de acharmos que é impossível sua aceitação. O corpo humano é um tabu que parece estar longe de ser quebrado. Porém, ainda há pequenos fragmentos, que podem ser usados, entretanto, são apenas pequenos rastros de algo maior.

Vamos lá… Começaremos pela maquiagem. Uma make que destaque o olhar (Use delineado e rímel para isso) e contorno. Dependendo do caso, um blazer com uma modelagem mais curta e acinturada, fica joia. Blusa para dentro da calça e salto alto (Use com moderação).

Bom, acho que já deu para entender como funciona esse negócio de transmitir seu estilo para um outro, né? É só você pegar características de um e adaptar ao outro. No caso da entrevista de emprego, seu estilo tem que ser passado da maneira mais sutil possível.

***

Então é isso Meninas Bonitas… Essas são algumas dicas de como se vestir para uma entrevista de emprego.

Aproveito o fim desse post para mais uma dica importante. Façam o teste do espelho… Se olhe de corpo inteiro num espelho e se pergunte: Eu contrataria a pessoa que estou vendo? Ela parece representar aquela empresa? Se eu a visse andando na rua, eu reconheceria o cargo que ela exerce somente olhando o seu visual?

Sei que apenas um post é pouco para falar de um assunto que engloba tipo físico, gostos, questão financeira, ambientes diferenciados e tals. Mas, acho que já dá para você ter uma ideia do que fazer.

Qualquer dúvida, entre em contato pelo formulário, ou por uma das redes sociais. Ficarei mega feliz em te ajudar… Um super beijo da MaVi e tchau, até a próxima!

Twitter: @belezarelativa / Instagram: @marianavicentte

—-> LEIA MEU LIVRO ONLINE… É de graça 😉 —-> Amália – Aquelas vozes não ouvidas

Créditos: Todas as fotos foram tiradas do Pinterest
Anúncios

2 comentários em “Como se vestir para uma entrevista de emprego

Comenta? Comenta, comenta?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s