Chega de dúvidas: O que de fato é um Lápis retrátil?

oquedefatoelapisretratil.jpg

Olá Meninas Bonitas, tudo bem com vocês? Vocês sabem o que é um lápis retrátil?

Eu sempre tive uma grande dúvida sobre o que seria de fato um lápis retrátil. Talvez agora, você esteja rindo da minha cara, pensando que essa não é pergunta que se faça, mas beleza, nunca escondi de ninguém a minha leiguice, principalmente quando se trata de maquiagem, hãm! =P

Enfim, nunca entendi qual é a diferença entre ele e um lápis convencional, quais são as suas vantagens e desvantagens, etc. Então, eu fui fazer uma pesquisa e perguntei para amigas, blogueiras, maquiadores … ninguém soube me informar! Na internet também não encontrei grandes informações, muito pelo contrário, só fiquei mais confusa com o material que encontrei. Resolvi apelar para as empresas. Mandei um e-mail para cinco empresas bem conhecidas esperando que elas me respondessem algo útil.

Bom, das cinco empresas, apenas uma me respondeu (Mary Kay… foram super educados e agradeço de coração a atenção). Ok, analisando todo o material da minha pesquisa cheguei a seguinte conclusão: Um lápis retrátil na sua essência não tem diferença nenhuma do outro lápis. Ele no geral, não é mais pigmentado que o outro e também, depois de aplicado, não há diferença alguma no quesito durabilidade. A grande diferença está na sua praticidade. O lápis retrátil tem um mecanismo que elimina a opção de ter que apontar o lápis, onde ao girar, a ponta aparece ou some. Então, aquele lance de apontar um lápis para a ponta aparecer, com o retrátil, acabou galera.

“Uau, então é mais vantajoso comprar um lápis retrátil, né?” Talvez. Uma coisa que eu observei é que eles duram teoricamente menos, já que vem menos grafite (vixii, será que se chama assim? Bom, vocês entenderam… é a parte que rabisca rs) comparado ao lápis convencional  e a resistência da embalagem é menor. Ouvi reclamações de pessoas alegando que depois de um tempo o mecanismo de giro começa a falhar. Bom, isso eu já não sei, comigo nunca aconteceu. Mas, eu confesso que não testei muitos lápis, então, se isso já aconteceu com você, comenta aí 😉

Se formos deixar de lado a questão do retrátil passar a imagem de ser mais chique e moderno, trocar um lápis pelo outro é a mesma coisa que trocar “seis por meia dúzia”. Ambos tem vantagens e desvantagens, mas o resultado final se resume praticamente na mesma coisa.

Meninas Bonitas, esse foi o resultado das minhas pesquisas e eu espero ter ajudado quem estava com essa mesma dúvida.

Qual lápis vocês usam mais… o convencional ou o retrátil? Conte-me tudo e não esconda-me nada…beijos

Anúncios

Comenta? Comenta, comenta?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s